Em 48 horas, voluntários criam plataforma de delivery de alimentos para estimular negócios locais na Grande Florianópolis

Voce está em :Home-Sociedade-Em 48 horas, voluntários criam plataforma de delivery de alimentos para estimular negócios locais na Grande Florianópolis

Em 48 horas, voluntários criam plataforma de delivery de alimentos para estimular negócios locais na Grande Florianópolis

Mobilização envolveu 70 empreendedores e resultou na “Delivery com Amor”, app que reúne 100 pequenos estabelecimentos que não ofereciam serviço online, com taxa de 2,5% por operação.

Mobilização envolveu 70 empreendedores e resultou na “Delivery com Amor”, um movimento e também app que reúne 100 pequenos estabelecimentos que não ofereciam serviço online, com taxa de 2,5% por operação.


[FLORIANÓPOLIS, 24.03.2020]
Redação SC Inova, com informações da Assessoria de Imprensa 

As medidas que restringiram o funcionamento de restaurantes e a circulação de pessoas em Santa Catarina, em vigor desde o último dia 19.03 por decreto do Governo do Estado, causaram impacto direto nas receitas do setor e afetaram principalmente os pequenos negócios – e ainda mais aqueles que não ofereciam venda online por meio de aplicativos.

Como alternativa a este cenário de lockdown, um grupo de empreendedores de vários setores começou a se mobilizar e, em menos de 48 horas, colocou à disposição dos consumidores da Grande Florianópolis uma plataforma de delivery voltada aos pequenos comerciantes do setor de alimentação que estavam fora dos grandes aplicativos – e com custos de operação mais baixos. 

Lançado na segunda-feira, 23 de março, o movimento – e também um app – “Delivery com Amor” (Amo Delivery) reúne mais de 100 estabelecimentos da região metropolitana de Florianópolis e a proposta é levar o projeto outras cidades em um segundo momento. A ideia contou com o apoio de cerca de 70 empresários catarinenses dos setores de varejo alimentício, logística, TI e marketing, com apoio de uma equipe multidisciplinar voluntária.

Para os estabelecimentos, a única taxa de serviço será a do cartão, de 2,5%. Uma diferença considerável em relação a outros apps, que chegam a cobrar até 27%.

A plataforma foi disponibilizada pela AMO Sistemas, empresa de Chapecó especializada em vendas online, e os estabelecimentos cadastrados vão disponibilizar seus produtos para delivery no aplicativo, disponível para Android e iOS

“Os varejistas estão sofrendo um forte impacto em virtude dos desdobramentos sociais exigidos pela COVID-19, assim buscamos salvar o emprego de milhares de pessoas em Florianópolis, e depois expandir isso para outros locais”, explica Diogo Machado, CEO da Original.Market, consultoria de serviços e uma das empresas voluntárias, sobre a proposta do movimento.

Estimativa da XP Investimentos calcula que cerca de 40 milhões de pessoas possam perder seus empregos no país ao longo das próximas semanas em função do impacto da pandemia na vida social e, por óbvio, nos negócios.

Eliseu, franqueado da Massa Viva: necessidade de evitar demissões durante o “lockdown” em Florianópolis impulsionou criação da plataforma. / Foto: Divulgação

O impulso para a criação dessa iniciativa veio de uma mensagem de WhatsApp recebida no final de semana pelo empresário Eliseu Jorge Cardoso, franqueado de seis lojas da rede Massa Viva, em Florianópolis. Uma de suas funcionárias, que veio da Bahia, estava preocupada com a possibilidade de perder o emprego com o fechamento da loja por tempo indeterminado – o marido também estava sem renda.  

A única maneira de contornar a situação seria começar a vender por delivery, mas ele ainda não estava preparado para começar a operação de um dia para o outro. “Este movimento surgiu para baratear o processo, que é essencial agora”, lembra Eliseu. No início desta semana, suas lojas franqueadas já começaram a vender online. 

“Fiquei impressionado com tantas pessoas ajudando. A gente escuta tanto que o mundo anda egoísta, que cada um olha por si, mas muita gente se dispôs a ajudar. Acredito que essa plataforma de vendas vai salvar muitos empregos”, resume. 

Os interessados em cadastrar suas lojas na plataforma podem preencher o formulário neste link: www.amo.delivery/contato