BethaSistemas_2

Betha, de Criciúma, aproveitou a liberação da telemedicina no país para desenvolver um serviço para os municípios. / Foto: Divulgação